Saiba Mais: Frango

março 2, 2008

A avicultura é a atividade econômica ligada à criação de aves e destinada tanto à obtenção de ovos e carne para a indústria alimentícia e o mercado consumidor, como também ao fornecimento de aves vivas de boa raça para outros criadores.

A criação de galinhas é a preferida pela maioria dos avicultores por ser, em diversos aspectos, mais vantajosa que a criação de outras aves. Assim, por exemplo, elas não necessitam de extensos tanques de água, ao contrário de marrecos, gansos e patos; seus produtos, carne e ovos, têm o peso adequado para o consumo familiar, o que não acontece com as codornas; e carne e ovos são obtidos com facilidade dessas aves, o que não ocorre com os perus. Em conseqüência de todos esses fatores, consegue-se um menor preço de revenda, o que facilita muito o consumo e mantém o hábito das pessoas de se alimentar de carne e ovos de galinha.

Até a década de 1960, as aves eram adquiridas vivas nos mercados e feiras-livres. Mas esse processo era incômodo, tanto para o produtor, que precisava transportar os animais vivos, quanto para as donas de casa, que precisavam matar e depenar a ave. O termo “galinha-morta”, que se incorporou ao vocabulário brasileiro como sinônimo de bagatela, reflete a depreciação sofrida pelo preço da ave vendida depois de abatida, o que ocorria em conseqüência da suposição do consumidor de que a mesma tivesse morrido vítima de uma doença.

As modernas empresas avícolas, dotadas de equipamentos automáticos de abate, e a comercialização pelos supermercados das aves abatidas em sacos plásticos vieram a alterar esse antigo hábito. Se em 1966, a venda de carne branca era virtualmente igual a zero; em 1971, ela já atingia 30% de toda a carne vendida nos supermercados.

Benefícios à saúde

A carne branca das aves, além das propriedades nutritivas (é boa fonte de proteínas, ferro e fósforo), tem sobre a carne dos quadrúpedes outras vantagens, pois contém poucas gorduras, muito macias, que se derretem com facilidade e são, por esse motivo, de mais fácil digestão. Essas características a tornam ideal para ser dada a crianças e pessoas que tenham problemas com o aparelho digestivo, além daquelas que estiverem com o organismo debilitado, ao qual se deve poupar todo o esforço desnecessário. Esse fato faz a canja de galinha ser considerada popularmente como a comida ideal para recuperar pessoas doentes.

Como comprar, conservar e usar

Aos três meses de idade o frango é chamado de leite (ou galeto); dos três aos sete meses é frango propriamente dito; e na terceira e última etapa da vida é galo ou galinha. Como qualquer outra carne, o frango se deteriora facilmente e deve ser guardado na geladeira. Se estiver cru, é aconselhável colocá-lo no congelador. Para o uso em ensopados ou refogados, pode ser cozido ainda congelado. Para grelhar ou assar, deve estar à temperatura ambiente. Não se deve jamais tirar o frango direto do congelador para fora da geladeira com a finalidade de descongelá-lo. O descongelamento deve ser realizado colocando-o na parte inferior da geladeira cerca de 12 horas antes do uso, ou então realizado com o auxílio do microondas, em potência baixa.

Clique no nome da receita para ver a foto em tamenho grande, ingredientes, modo e dicas de preparo:

 Estrogonofe de Frango ou Camarão
Galeto Assado

Clique aqui e veja todas as receitas

Clique aqui e saiba mais sobre os alimentos

Aviso Importante: Este é um blog de culinária. O objetivo dos textos sobre os alimentos é meramente o de estimular o leitor a consumir uma dieta variada e nutritiva. Todas as informações a respeito dos benefícios advindos do consumo diário e contínuo de determinados alimentos são obtidas através da pesquisa realizada em publicações sobre o assunto. O tratamento de doenças deve ser realizado com acompanhamento médico.

Clique aqui para ler a bibliografia

Anúncios

3 Respostas to “Saiba Mais: Frango”

  1. Raquel Duarte Says:

    Lucia,
    Todos os alimentos devem ser descongelados lentamente sob refrigeração para que não deteriorem.
    Obrigada pela visita e volte sempre!
    Raquel Duarte

  2. LUCIA GYSLEY Says:

    Não se deve jamais tirar o frango direto do congelador para fora da geladeira com a finalidade de descongelá-lo. PORQUE?

  3. jose almiro de morais Says:

    muito bacana e objetivo estas informacoes


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: